31/12/2013

Ano Novo Japonês

Hai!!!

Aproveitando que está chegando o novo ano, resolvi fazer esse post com curiosidades sobre o Ano Novo no Japão. Vamos nessa?

O Oshougatsu é um dia muito importante para os japoneses, uma data sagrada. É um dia para se purificar, fazer orações e se preparar para o novo ano. Os japoneses não só fazem planos para o ano que se inicia, eles aproveitam para agradecer tudo que lhes aconteceu de bom no ano que está terminando.

Em novembro, começam as purificações do ambiente. É importante que a casa, o local de trabalho, tudo esteja limpo e organizado para trazer boa sorte. Coisas velhas são jogadas fora, e problemas amorosos ou dividas deverão ser resolvidos antes da virada.

Não se trabalha nos dias de comemoração do Oshougatsu, e a festa pode se estender de três dias até uma semana. Nem mesmo as mulheres cozinham, elas preparam tudo antecipadamente.

Na meia-noite do Ano novo, será ouvido em todo o Japão o joya no kane. São as 108 badaladas dos sinos nos templos, que simbolizam para o budismo os 108 pecados humanos. Algumas pessoas também gostam de assistir o sol nascer na primeira manhã do ano, mas a tradição deve ser cumprida em lugar alto, como uma montanha ou arranha-céu.

Os japoneses tem ainda outros costumes, como por exemplo, comprar o Hamaya ( é como se fosse um encantamento, serve para proteger a família durante o ano que surge). O Heisoku é uma dobradura feita sem cortes, com papel japonês, e é colocada na frente das casas para a deusa Amateratsu, que trará proteção contra o mal. Esse amuleto só pode ser colocado pelo chefe da casa, ou pelo primogênito. Nunca deverá ser colocado por uma mulher, pois isso despertaria ciúmes na deusa. O Kodomatsu é um arranjo feito com bambus e folhas de papel japonês, para atrair o deus da colheita. Sempre colocados em pares, esses arranjos também trazem alegria e longa vida.

Os templos ficam cheios nessa data! Inúmeras pessoas vão fazer suas orações e oferendas.

Na passagem do ano é servido um macarrão chamado Toshikoshi-soba (representando a longevidade, já que esse macarrão lembra os cabelos brancos dos deuses da longa vida), e na manhã do primeiro dia um Saque especial chamado Otoso. Esse saque é mais doce, e está ligado ao desejo de vida longa e saúde. Outro prato servido é o Ozoni, que é uma sopa feita com Mochi ( um bolinho de arroz), e que trás sorte e graça dos deuses para quem o consumir.

O Kagamimochi, é um prato feito com dois mochis, um sobre o outro, decorados com papel japonês, uma folha de matsu ( que parece um pinheiro), e daidai ( uma laranja japonesa amarga). Essa típica oferenda é para os deuses budistas e xintoístas, e é deixada sobre o altar em agradecimento.

As pessoas também compram novos Omamoris ( amuletos), e queimam os velhos.

Algo bem legal que eu já tinha ouvido falar, é a tradição de comprar o Omikuji, que é um tipo de oráculo. Eles ficam em uma caixa e são escolhidos aleatoriamente. No papel vem escrito a sorte da pessoa que escolheu, sendo que isso pode variar do muito bom ao muito ruim. É preciso, depois de ler a sorte, amarrar o papel da fortua em paus, cordas, ou arvóres no santuário.

Bom galera, eu vou ficando por aqui e desde já desejo muita paz, saúde, felicidade e grana pra todo mundo. Espero que possamos passar muitos outros anos juntos aqui na Japan In Soul. Ganbarimasu!!!!!!!!!

Dando thau pro ano que termina: Yoi otoshi wo!
Feliz Ano Novo: Akemashite Omedetou!!!! 

Nenhum comentário:

Postar um comentário